Segunda-feira, 24 de Setembro de 2007

Simbologia da Montanha

Diferentemente do homem de hoje, que vê a montanha como um espaço de paisagens maravilhosas e ar puro, o homem antigo via na montanha muito mais do que isso. Para ele, a montanha era o lugar de Deus por excelência e inseria-a no simbolismo do alto-baixo. O alto é positivo, bom, mais importante, superior, centrando-se na ideia de importância social das pessoas, marcada pela imagem do trono real. O rei, sendo a pessoa mais importante e mais elevada socialmente, ocupa também um lugar mais alto, quando se senta entre os seus generais ou ministros. Se o rei, sendo um simples homem, ocupa um lugar elevado em relação aos seus príncipes, quanto mais elevado não deverá ser o lugar de Deus em relação aos homens? Por isso, o monte ou montanha, como lugares mais altos da natureza, foram sempre vistos, em todas as culturas, como uma espécie de trono real de Deus ou lugar de habitação de deuses. A montanha, de algum modo, toca no céu, lugar convencional de Deus por excelência, sendo o espaço visível do Deus invisível.

À montanha são frequentemente associados outros símbolos, sobretudo a nuvem e o fogo. É na montanha que as nuvens tocam o céu, se desencadeiam tempestades e cai o fogo do céu, os relâmpagos. Por isso se sacralizou a montanha, tornando-a lugar de habitação de deuses, como o monte Fugi (Japão), Machu-Pichu (Peru), Olimpo (Grécia clássica). Os povos pagãos vizinhos do povo bíblico, exerciam nos lugares altos cultos idolátricos e orgias sagradas, que foram energicamente condenados pelos profetas (Is 65,7; Jer 2,20; Os 4,13).

A montanha tornou-se não só uma espécie de santuário de Deus, mas foi no lugar mais alto da montanha que se edificaram santuários a todas as divindades e, com o cristianismo, também a Maria e aos santos. Basta pensarmos em santuários portugueses como o Sameiro ou Fátima. A montanha foi, e ainda é hoje, um lugar de peregrinação religiosa ou simplesmente turística. Escalando a montanha em peregrinação, o homem aproxima-se fisicamente de Deus, mas também, pela penitência da escalada, se aproxima d'Ele espiritualmente. Descendo da montanha, sente-se transformado e disposto a viver em regra com o Deus que encontrou na montanha.

(artigo de Herculano Alves, Revista Bíblica, nº 227)
publicado por ssacramento às 11:42
link do post | comentar | favorito
|

.Blogue da Paróquia do Santíssimo Sacramento

Visite Pão e Vida

Visite Casa-Acolhimento Santa Marta

.Fuego Santo

.subscrever feeds

.pesquisar

 

.Visite

.posts recentes

. Maria...

. Mãe admirável

. Apóstolos S. Pedro e S. ...

. A boca do justo proclama ...

. Um "novo humanismo"

. Isabel e Maria

. Solenidade de S. João Bat...

. Eu vos dou graças, Senhor...

. Não perca hoje na nossa p...

. Os pais de Maria

. Não podemos aceitar que o...

. Morte e Vida: Perspetiva ...

. Jesus fala aos meninos da...

. A Igreja Católica e o Ano...

. Educação Moral e Religios...

. Morte e Vida: Perspetiva ...

.arquivos

. Dezembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Counters
Free Counter
blogs SAPO